Meu zeloso guardador...














Eterno Autor dos Anjos imortais,

Senhor dos céus, das terras e dos mares,


Que tudo governais e a tudo dais

Vossas mãos tutelares:




Se espíritos rebeldes contra Vós,


Por misterioso orgulho singular,


Vieram a sofrer horror atroz


De não poder amar,




Outros, com São Miguel à sua frente,


Permaneceram fiéis ao vosso amor


E Vos louvam no Céu eternamente,


Cantando-Vos, Senhor.




São esses, como vossos mensageiros,


Ao serviço das almas sempre atentos,


Os nossos invisíveis companheiros


De todos os momentos.




Com eles, em gloriosas legiões,


Asas de paz por sobre a vida humana,


Erguem-se em coro os nossos corações:


Hossana a Deus! Hossana!




(hino da Liturgia das Horas)

tags:
publicado por Afonso Miguel às 21:26 | link do post | comentar