No 120º aniversário do nascimento de Salazar



Voz de António de Oliveira Salazar, em Outubro de 1949. Parte de um dos seus discursos mais importantes e actuais sobre a noção de nação, a praga comunista e os perigos que, já então, se adivinhavam para África. Na efeméride do seu nascimento, deixo-vos aqui este mimo para que melhor possamos reflectir e agir.
tags:
publicado por Afonso Miguel às 16:04 | link do post | comentar