Nós, os parvos [II]

O texto anterior parece um pouco confuso, mesmo para quem o escreveu e agora revê passado o estado de espírito que o motivou, mas o essencial está lá e, infelizmente, comprova-se. Ontem, a meio de um jantar do PS em Viseu, meia dúzia de indivíduos interromperam o discurso do PM para gritar "precários nos querem, rebeldes nos terão". São os tais neo burgueses em "acção", que reivindicam mais e melhor democracia, com mais protecção social, mais garantias do Estado, menos precariedade e maior igualdade. Nada de novo mas com nova roupagem, e acham eles que estão a fazer luta política, sabe-se lá a mando de quem! Pela primeira vez Sócrates acertou na mosca: é o carnaval democrático. E parece que dia 12 ainda há carnaval em Lisboa...

publicado por Afonso Miguel às 14:07 | link do post | comentar