O "bispo Marcelo", pior que Schonborn


 


A notícia da contínua apostasia de D. Januário Torgal - semelhanças com alguém que não queria legalizar, mas também não queria condenar? - já chegou ao Brasil, no sítio do Instituto Plínio Corrêa de Oliveira. Vale a pena ler.

publicado por Afonso Miguel às 20:33 | link do post | comentar